Carregando...
Blog

Parabéns, Caio!!!

Tenho escrito pouco sobre ele. Muito menos do que eu gostaria. Pra escrever sobre ele agora, preciso de autorização. Ele revisa texto e fotos e eu publico ou não. Respeito é bom e todo mundo gosta. Tá crescendo, né? Tá fazendo 11 anos. Peço licença, meu filhote, pra escrever pra você. Porque esse espaço aqui é, acima de qualquer coisa, um lugar pra guardar memórias.

Filho,
Você está fazendo 11 anos. Não é fácil fazer 11 anos. É difícil saber onde termina a infância e começa a pré-adolescência. É difícil lidar com um turbilhão de emoções. Complicado ir para o 6° ano com um monte de disciplinas e muitos professores. É o momento de tentar se afirmar e de ter dúvidas. Dúvidas sobre o mundo, sobre tudo, sobre si mesmo.
Este ano seu aniversário cai num sábado, assim como quando você nasceu. Era um sábado lindo quando você resolveu vir ao mundo. Acordei seu pai dizendo que estava na hora de você nascer. E você nasceu lindo, bochechudo e mudando toda a nossa vida. 
Nesses 11 anos, eu vi você aprender tudo o que você sabe: sentar, andar, bater palminhas, falar, comer, dormir sozinho, jogar bola, mexer no computador, escrever, ler, ser educado, ser sensível. Vi um ser humano crescer, se desenvolver e conquistar seu espaço. Presente melhor que esse, eu não poderia ter. Aliás, foi você quem me ensinou a ser mãe. Com você, aprendi a lidar com emoções inimagináveis. Aprendi a lidar com sua alegria, suas birras, seu mundo de imaginação, aprendi a gostar de livros infantis, a brincar de carrinho, a lidar com febre no meio da madrugada e, principalmente, a fazer o outro feliz. 
Desejo que você saiba lidar com a vida, porque ela é cheia de altos e baixos. Que você aprenda a diferenciar o bem e o mal. Que você seja livre pra fazer suas escolhas, escolhas que te façam feliz e, quando fizer escolhas erradas, tenha força pra reerguer-se e recomeçar. Que você abrace a felicidade sem medo. Que você saiba a diferença entre verdade e mentira e que opte sempre pela primeira apesar das consequências. Que você saiba que toda escolha tem um peso e que é preciso carregá-lo com dignidade. Que você saiba tirar as pedras do seu caminho mesmo que leve tempo. Desejo que você possa ir onde jamais irei e, quando for, carregue em seu coração nossas origens e jamais esqueça de onde veio. Que você ame e seja amado. Que você e Artur sejam mais que irmãos, que sejam parceiros de uma vida inteira, um dando a mão ao outro sempre. Que você saiba que pode mudar quando quiser. Que você conheça pessoas interessantes. Desejo a você empatia, porque saber colocar-se no lugar do outro é uma das formas de construir um mundo melhor. Que você tenha uma vida da qual se orgulhe sempre e, quando eu não estiver mais aqui, que você leve adiante e dentro de si todo o amor que sinto por você.
Te amo.

Comentários

comments

2 comments
  1. Micha Descontrolada

    Chorei!!!!
    o Caio é lindo, um fofo, gentleman…vcs o educaram maravilhosamente bem!
    Tá um rapazinho lindo demais.
    Muitas felicidades, sucesso, tdo de bom pra ele, pra todos vcs, sempre!

    Beijossssssss
    ┌──»ʍi૮ђα ツ

Leave a Reply

Favoritos da Dany
%d bloggers like this: